quarta-feira, 17 de outubro de 2007

.21 GramaS.




Algumas vezes a cortina abria pequenos espaços e dava pra ver um lado de fora diferente!Tinha preguiça de levantar e enquanto esperava a coragem chegar ficava ali...olhando os espaços de mundo pela janela! De todas as 24 horas, essas manhãs eram momentos que não dava para fingir. Era um descabelo, uma pouca roupa e muita entrelinha exposta.

Dizem que pode-se enganar o mundo, mas a si próprio , é impossível!! Será? Algumas pessoas mentem pra si uma vida inteira, mas isso não quer dizer que não existam seus lapsos, isso não quer dizer que sejam mentirosas.São apenas infelizes! Ela pouco se importava para o que diziam! Para o que achavam! Apenas um pouco de luz no quarto era suficiente nessas horas. Sozinha? não, ela estava acompanhada de si e algumas vezes isso basta. Quando só você entende a raiva súbita de qualquer coisa. Quando nem você sabe o porquê das coisas.

A dormência ainda permanecia no corpo e ela continuava a fitar o que os olhos alcançavam. Era melhor mesmo que a cama não pudesse falar! os fatos tinham boca e ela cansara de falar, sentia pena de quem havia desistido de pensar e quis que a preguiça fosse pra sempre!Os diálogos eram demasiado antecipados e decidiu deixar cada um acontecer no seu momento, sem criar as falas dos outros.Sem atropelar o que não era seu.

O vento derrubou a cortina e fez do quarto a rua...
ela levantou-se e disse em voz alta:
-21 gramas...

Tirou a roupa e lavou a alma!


21 gramas...Dizem que esse é o peso da alma...às vezes ela achava tão mais pesado!

20 comentários:

linny disse...

21 gramas?
nossa minha alma nao pode so pesar 21 gramas, por todos os fardos que eu tenho dentro de mim...
parabens, Livia.


"Tirou a roupa e lavou a alma!"
isso para MIM é algo do tipo...
onde so um bom banho resolve as coisas,
LIMPA, PURO. *__*

bju, flor

AnaLua disse...

21 gramas? A minha pesa toneladas!!!!! Quem dera ter uma alma assim levinha...
E olha, podemos mesmo fingir durante 24 horas, mas no momento em que acordamos, somos tão nós mesmos ainda, visto que voltamos do mundo dos sonhos (afinal, só sonho é real) que não dá pra fingir mesmo. Amei!
Ah, meu marinheiro está desistindo de desistir... hehehehe, Bjos menina!

Alberto Pereira Jr. disse...

lindo texto!

mentimos pra nós mesmos, mas são mentiras retóricas que sabemos perenes.

adoro o filme 21 gramas já viu?


E sim.. o Capitão Nascimento é um "herói" com uma mão enfrenta o crime, com a outra subjulga pessoa...

beijao

Estêvão dos Anjos disse...

"Dizem que pode-se enganar o mundo, mas a si próprio, é impossível!!" Lá vem eu com minha impressões...como sempre falo, ou pelo menos tento, é que voce em seus textos busca extrair ao máximo os sentimentos dos personagens...nesse caso eu percebi nela um certo desconforto em encarar o mundo nesse dia. alguma posição que ela está tomando está fazendo mal a ela mesma, ela está indo de encontro com alguns desejos dela e está com receio de negá-los novamente nesse dia. por isso acho que ela sentia sua alma pesar tnt ela não aguentava mais esse conflito com si mesma. mas o mundo insite em tomar-lhe o dia ( "o vento derrubou a cortina e fez do quarto a rua...") como algo que ela tem que enfrentar. um belo relato de nossos medos cotidianos talvez seja essa o sentimento que encontro na personagem....eita q falei demais huahauhau
espero q tenha me entendedo

Regininha-A! disse...

Xuxu...
Cada vez que leio, quero ler mais. Por quê algumas coisas se encaixam tão perfeitamente que até assusta??

É a vida...

Amei!!!

Beijão bem grandão!!! =).

Alê Namastê disse...

Linkei você.

Muitos beijos, menina do blog cor de ouro.

Marília disse...

Ás vezes parece que vc está me descrevendo.
Acho que é porque escreve em terceira pessoa.

Hummm...21 gramas. Minha alma tá é desnutrida, isso sim!Hehe

Brincadeira!

Que bom que gostou do meu texto. Incrivel como a gente escreve bem quando tá sofrendo... ;(

Beijos

Nightingale disse...

21 gramas... Pensava que era o filme x)

A menina do texto parece comigo nos dias de domingo a tarde...

Beijo flor.

=*

Lise disse...

eu tbm acho que a minha alma é bem mais pesada..
pelo menos eu acho
oO
hauhsuiahsashauisa

beeijosss querida...e vc , como sempre escrevendo com alma!!!

=*****************

*nunca perca isso

Vanessa disse...

aaaaaaaiiii
chega dói de ler
:(

Lindaaaa vc!!

:*********

Thiago disse...

Como sempre eu aqui pra comentar que ela merece sempre algo melhor!!
sua personagem é tão humana!!!

ele é auto suficiente..ou pelo menos quer ser!!!

ou quem sabe eu to louco!!

:P


beijos minha linda!!
:*******

Anna Flávia disse...

mentir pra si mesmo é sempre a pior mentira... mesmo, mesmo.

beijo

O Profeta disse...

Fantástico texto, tens o dom da sublime escrita...21 gramas?...uma alma pesa pela intensidade da sua luz...


Doce beijo

marina disse...

eu sempre achei que fosse tudo relativo mesmo!!!
asaisiahsauihsiasa

eeeeiiiii, a sua coluina estreou né???
coloca aqui depois o link que eu vejo no site lÁ...
vc publica os mesmos textos daqui??
me explica!!

:*

e que fodastico foi esse texto haaann???
*.*

Juliana disse...

algumas pessoas realmente acham que podem mandar em coisas que sabe-se lá como se movimentam nesse plano!!
ahhhhhhh, eu quero um dom assim ...me empresta o seu???
:*************

linda, linda flor de maracujá xD

Patricia disse...

hauhauah pelo menos minha alma é leve!!!!

Deu foi uma preguiça...vontade de voltar pra cama e fechar a cortina.

Muito lindo bbzonha preguiçosa!

bjos, amo-te

» NaY « disse...

No meu quarto quem controla a cortina sou eu...

E a minha alma, bem essa ai tem no minimo 2,1kg...

Xeru =***

Ah, ou outro post quem escreveu foi eu! =)

Giovana disse...

Até dá pra mentir pra si mesmo. Mas não por muito tempo...
E a minha pesa bem mais que 21 gramas...
Bjo amore!!

Diandra disse...

Eu achei óoootimo esse texto, meu!

É engraçado como a gente sempre acha que carrega um fardo maior que dos outros.

Minha alma deve pesar até menos que 21 gramas.

Mas a cabeça - alucinada - que não para de pensar e produzir besteiras e neuroses.. ahhh, essa sim deve pesar toneladas.

Obrigada por ter passado no Letrinhas ;*
Obrigada pelo seu comentário.
Sem noção de quanto essas coisas me deixam feliz.

um beijo ;*

Ludmila Prado disse...

o que é verdade?
cada um faz a sua verdade

gostei muito do texto


bjo