sexta-feira, 5 de outubro de 2007

.A OndA.



Escutou o som do portão se fechando e um vaso pulsou no pescoço.A respiração dele estava ofegante e o coração parecia um tambor.Deduziu que deveria estar correndo.Ela ouvia cada batida e quis equalizar com o seu.Não pôde! O seu quase parava e ela respirou fundo.Sentiu cada partícula que passava pelo nariz e viu o vulto passar pela sua frente. Do banheiro, ele gritava algo que ela não prestava muita atenção.Estava lavando as mãos. Ouviu quando ele falou de germes ou algo do tipo.Tinha mania de limpeza.Seus pensamentos eram altos demais! O jeito que ele agitava o ar ao passar...O cheiro que permanecia...O tom da voz.Como seria o corte de cabelo novo dele?Quis tocá-lo.
E se pintasse o cabelo de roxo e usasse saia?Ainda assim seria a voz que flutuava nela.A voz proibida.Ela queria poder tanger aqueles sentidos, mas eles não eram moscas e ela logo percebeu isso.Como deter o que não se pode tocar...O que não se pode ver?! Ele continuava a falar e eram apenas anagramas que não faziam sentido nenhum.Ela começou a se preocupar.E se ele a fizesse alguma pergunta? O que ela iria responder??Tentou concentrar-se e quando ouviu algo foi:
-"A consulta já está marcada?"
-Sim...claro!
Ela mentiu...Adiou aquilo o quanto pôde, não poderia mais fugir. Ela era puro ceticismo e ele pura aventura. Falou que iria sozinha e sentiu um golpe nas costas...seus olhos agora pareciam com o céu estrelado.Holofotes que deveriam iluminar... uma dor instalou-se no peito e o lugar continuava o vão solitário.Ele disse:
-Você é como uma irmã pra mim...Eu quero estar com você.
Ela ficou muda e pensou se poderia ficar pior...
fosse melhor não falar...fosse melhor enxergar!

17 comentários:

AnaLua disse...

Lívia, obrigada pela visita no meu blog, e eu também já tinha visto alguns comentários teus no blog da Gio. Vc está escrevendo um livro? Gostei muito do que li aqui, e gostei muito do teu perfil também. Temos alguns (bons) gostos em comum pelo que vi aqui. Ah, e simplesmente AMEI o nome do blog, inspirado no meu ídolo Gabriel Garcia Marquez. Apareça menina, será bem-vinda. Vou te linkar pra voltar mais fácil aqui. Beijos!

» NaY « disse...

Putz, tenho isso também, de viajar enquanto o outro está falando, e tentar me trazer de volta para entender o que está se passando... u escreve muito bem! =)

Xeru =*

Lise disse...

"E quando vc disse não cada lágrima de sangue invadiu meu pensamento!"_Lívi Russo


tu é foda mesmo, eu fiquei pensando...ela é cega mesmo, ou ela [é cega por se enganar tanto???
poderia ser pelos dois.Não acha?/ me explica isso depois..e a coluna, já estreou lá no JE???

eeeeiiiii, me passe o link , por favor , táá????

=************
vai ser boa assim lá na....¬¬
ashauhsiauhisuahiuhaiu

Vanessa disse...

Como sempre me surpeendo por saber o bem da escrita...mas não pelo teu dom...sei que me sentirei bem...sei que tuas palavras serão como flechas...mas eu sempre sei que será algo novo doq ue eu já vi...
parabéns!!
=*

linny disse...

uhhhhhhhh nossa livia.
voce tem que escrever um livro hein, ja pensou nisso?

bju
parabens pelo belo post.

Marília disse...

Amor de irmã?
Sacanagem.

Giovana disse...

Puro ceticismo e pura aventura... combinam, hein?
Bjo amore! Amo tudo o que escreve!
:-)

Anna Flávia disse...

Em certos momentos nada pode cortar mais um coração do que ouvir: 'você é como um irmã pra mim'. É pra doer dias.


E lost é a melhor!!!! adoro demais!!
xD

Beijo

Alberto Pereira Jr. disse...

a princípio mistério, depois sucessões de fatos e um clímax desolador: ele não a vê com os olhos que ela gostaria. Mas o que é a vida, senão uma grande seqüência de desencontros e desoladoras decepções?

AnaLua disse...

Querida, achei que estivesse um livro sim...(não está?) por causa dos teus textos, já pensou em reunir em um livro??? Seria 10! Bjux

Lenin disse...

já ouvi 'você é apenas um bom amigo' zilhões de vezes...dá vontade de dizer ''amigo é o caralho, mulher! eu quero ´te beijar''....ótimo texto, bem 'viajoso'....
quando eu falei de metáfora tinha sido um elogio ;) até =***

O Profeta disse...

Tem um particular encanto o teu espaço...


Beijinho

Ludmila Prado disse...

seus textos são um enigma...

'fosse melhor não falar... fosse melhor enxergar' as vezes é melhor não fala, ou as vezes as palavras não saem da boca, o pensamento é rápido e nitido, ´não se transformam em palavras, que palavras? quais podem traduzir o que quero fala? as vezes é melhor não dizer é melhor sentir, enxergar.


bjos
adorei

» NaY « disse...

Durante a minha graduação estive sem paciência pra ler por prazer, pra descansar, pois eram tantos os textos pra ler pra academia, que só de olhar letrinhas, mesmo que num pote de maionese, me cansava a mente... =) Agora, só com estágio, dá pra eu me deliciar com uns livrinhos =)

Xeru =*

linny disse...

flor, passa no meu blog tem um negocinho pra vc la

Fabrício; O Pensador disse...

Oi! te achei no blog de uma amiga!! primeira vez aki comentando!! Realmente seus textos são ótimos! parabens

Nightingale Poe disse...

Adorei flooorr

Beijooo