quarta-feira, 14 de novembro de 2007

.Assassina de fisheS.


As cartas de setembro ficavam expostas...Ainda!

Depois de tanto julho as coisas ainda pareciam pouco sólidas!Ela esperou,esperou,esperou e sentou.

Era um parto, era um esforço, era amor.

De tanto que se faz pra que tudo permaneça exatamente como está...quando se liga a seta pra esquerda e vai direto, quando se espera do outro o que não se faz!
As pedras do aquário pareciam mais adaptadas e era como se estivessem ali sempre.Não tinha almoço, não tinha mesa, não tinha fome. A tv ligada, o computador ligado, o celular esperando...uma sucessão de gastos pelo medo do não ruído.
A bagunça espelho, o descaso condenado e a cama sobrando espaço lembravam o som do ventilador.

Secou o cabelo e pensou porque fazia isso.

-"Não podia dormir com o cabelo molhado!!"
-"Quem falou??"
-"Aaaaaaahhh, sei láá...eles falaram!"
-"Eles quem????"
-"Cala a boca e seca o cabelo"
¬¬
Qual o motivo de continuar fazendo as coisas? Ela se deu conta de quem estava se tornado dia após dia, conta após conta,lágrima após lágrima!
Lavar os pratos, passar as roupas, secar o cabelo, lavar bem atrás das orelhas...pensou que faltava o jantar sempre pronto e a camisa engomada...faltava quem quisesse comer, faltava quem quisesse amassar a roupa.
A comida do peixe, a comida do peixe, a comida do peixe, a comida do peixe...
...depois...
Em algum lugar da sua imaginação ela levantou, colocou a comida e deitou novamente.Os olhos foram pesando e se virar para o lado acabou sendo o maior prazer do dia...a dor nas costas, o vento no rosto, o mosquito nas pernas.
A música estava diferente e a hora parecia a mesma, depois de tanto embolar e cogitar levantou-se e o peixe estava morto...

-"Ahhh, que meeeeerda! eu botei a comida ontem??? botei...acho que botei...deve ter sido essa porcaria dessa água...amanhã eu compro outro peixe!"


Ela não era tão pefeita assim...alguém caçava por ela

.

.

.

diga isso ao juiz!


26 comentários:

Puro rumor disse...

ô Livia!!!!!!
kkkkkkkkkkkkkkkkkk

mate seus peixes naum vei!

e relaxe viu...

bj!

Paula Calixto disse...

Deixei um recadinho no seu outro texto pra ir pegar um presente lá no meu blog. Tá na publicação anterior a de hoje.

O pc tá dando "pau". Volto depois pra comentar.

Beijos, flor.

Estêvão dos Anjos disse...

iu! Liu, olhe... eu achei umas metáforas meio pessoais. mas fora isso ele esta bem escrito, dentro da sua estetica. e vc captou bem essa coisa de estar apaixonada e esquecer o mundo a sua volta. n sei o pq de tnt aperreio.
N APAGUE!

Lah Leite disse...

pobre e inocente peixe...
ótimo texto =)
achei seu blog no do tukuu =D

Vanessa disse...

É, eu preciso adimitir que algumas vezes simplesmente não dá pra assumir a culpa...
entenda a moça.
.
.
:********

PS. FODA! como sempre!

Lise disse...

Esse tbm tá diferente, mas eu gosto mesmo assim
*-*
ei realmente acho que ela tá perturbada e que de alguma forma esses refulgios que ela escolhe poderiam ser mais saudáveis
=x
ahsuahsuhaisa
beiijos minha escritorinhaaaaa

=**********

André Moinhos disse...

Eita!
Adorei o texto!
"A comida do peixe, a comida do peixe..."
Eu tb fico repetindo as coisas pra não esquecer! rs

Beijocas

Loh_rayne disse...

não mata o peixe

uieoeuieeieeoeie

:*

.linny disse...

uhhhhhhhhhhhhhh, deixa o peixe menina..

ameiiiiiiiii

bju

Marília disse...

flor, algumas vezes a gente só quer esquecer, né??
=/


beeeeeeijooos .....e o livro lança quando???
ahdshudhiusdsa
=*********

AnaLua disse...

"Era um parto, era esforço, era amor" Garota, eu adorei isso! Muito bom, como sempre.Estou virando tua fã, moça!

Beijão!

» NaY « disse...

Dá a sensação de que não estou lendo, mas assistindo a cena...
=)

Muito bom!

Xerus =***

Ahhh, tem um MEME pra vc lá no Janela & Vitrine!

Estêvão dos Anjos disse...

"quando se liga a seta pra esquerda e vai direto, quando se espera do outro o que não se faz!"

Agora Sóbrio :)...

acho q ela ( vc?) está apaixonada. td a sua volta parou de existir ela ta looooonge. mas senti q ela n estava sendo correspondida ( espero q n seja vc) pois qnd amamos e somos correspondidos td é mais gostoso e n amargo como me pareceu.

bju moça apaixona hauhauhauah

Estêvão dos Anjos disse...

"quando se liga a seta pra esquerda e vai direto, quando se espera do outro o que não se faz!"

Agora Sóbrio :)...

acho q ela ( vc?) está apaixonada. td a sua volta parou de existir ela ta looooonge. mas senti q ela n estava sendo correspondida ( espero q n seja vc) pois qnd amamos e somos correspondidos td é mais gostoso e n amargo como me pareceu.

bju moça apaixona hauhauhauah

Estêvão dos Anjos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
molin' disse...

alguém sempre espera pela gente. me fez lembrar a música do chico e do erasmo: 'olha você tem todas as coisas que um dia eu sonhei pra mim, a cabeça cheia de problemas, não importa eu gosto mesmo assim...'
adorei seu blog
se der dá uma passa lá no meu
beijos (:

Maria Flor disse...

Lindo o texto!

Mas deixa os peixes...histórias com eles me deixam triste!

bjo.

Paula Calixto disse...

A gente liga o automático e perde o prumo. O rumo se perde porque perdemos a nossa espontaneidade.

Mas podemos recuperar [enquanto há tempo!].

Beijos, lindeza.

Pequena disse...

Gostei desse instante que revela a monotonia da paixão. Um tempo não definido, muitos detalhes e uma certa frieza da personagem.


Muito grata pelo comentário no meu blog, fiquei realmente felizzz!!!

Adorando conhecer suas palavras!

Bjo

Regina disse...

São tantas coisas acontecendo ao nosos redor , né?
quando a gente ama...quando a gente mata e quando morre um pouco dentro de si...
eu realmente achei que o peixe fosse parte dela...é?
bota teu comentário aqui!!
=*********

foda teus textosss =D

Lívia Russo disse...

Impressões do texto : Algumas vezes definitivamente a gente só quer que as coisas se encarreguem de tudo.Novamente o piloto automático...alguém alimenta o peixe, por favor!
Não tem ninguém em casa e vc consegue ser incopetente a ponto de nem se apegar ao bicho:Ele come, sabia?
Puuuffffffffff!
Pois é.Seria cômico se não fosse trágico.Que esse amor não vire peixe morto.Você algumas vezes já reviveu algo dentro de vc...até de alguma forma pensou em comprar no mercado a qualquer custo...mas substituir não é refazer
.
.
.
o "peixe" morreu e ele não vai voltar!
E quem disse que vc não vai pagar por isso? o juiz vai te condenar a 100 anos de prisão domiciliar, seja carcereiro de vc mesma...ELA AGUENTAA!

kassianobre disse...

Pequenos momentos que se transformam em grandes palavras..

parabens!

Muito prazer...

Nightingale Poe disse...

E a parte do cabelo molhado lembrou o meu mais novo amigo:

O diabo veste Prada.

ótimo para mim que estou lendo essas coisas de moda.

bisous flor linda.

Luana disse...

Flor...
aaahhhh o seu comentário sobre o texto é um texto a parte hein??
ahsuahsuiahuisasa
vc arrasa seeempre...
=********

Carla disse...

cada palavra...cada frase...
que dom!!
=********

Ludmila Prado disse...

deixamos td pra depois, deixamos que o tempo passe, apenas isso...

ficou sufocando seus pensamentos, lamentando o que não tinha e o tinha que fazer sempre, a rotina.

deixou com que os minutos a levasem e se esqueceu de alimentar os peixes, as vezes também nos esquecemos de alimentar os nosso peixes edeixamos eles morrerem.

belo texto

um beijo