domingo, 2 de março de 2008

.Todos os caminhoS.

Perto do coração selvagem estava um outro. A se desalinhar, ela vinha...gloriosa por natureza, cheia de vento. Pra ter coragem, ela caminhava e disputava com o sol , astro menor, um minuto de calor. Ele estava de partida e a ausência lhe trazia o significante. Era novo e não por isso. O gasto e o gosto transbordando pela boca. Não se escreve o que não se diz.

A retina ainda lhe traía e de longe eram olhos no lugar das bocas...ficou com os contornos. Preferia assim, se tudo no fim das contas muda de lugar, que fossem distorcidas desde já. Era um pensamento inútil, ela sabia. Mas de fato, mais fácil!

A brisa lhe contando segredos no fim de tarde e o frio pintando a pele de leve. Ela sentia e fitando os pés na grama, lembrou que o tempo corre macio. Um grito se desenhava num peito fechado. Ela entardecia.




*Foto por Liu Moura --> http://www.flickr.com/photos/liumoura/

18 comentários:

Sarah disse...

"Ele estava de partida e a ausência lhe trazia o significante. Era novo e não por isso."

esse trecho é mais do que qlq comentário que eu possa fazer!

Juliana dos Anjos disse...

É.. tô bem repetitiva já.. de falar
do quanto eu gosto das coisas que escreves. E sempre tem uma frase, uma palavra que me marca. Tipo... 'Mas de fato, mais fácil!' Lembra tanto meu comodismo.. Mas.. deixemos pra lá sá parte! :)
Msn num sábado.. um dia a gente vai ser mais feliz, eu juro! hauiaha.
Beijo. (L) :*

Espuma Flutuante disse...

Para de roubar as fotos da aline, pow.
Como de costume gostei do texto.
=***************

Camila Falcão disse...

bem, n gosto mto de fzr comentarios... mas dessa vez n resisti! mto bom msm os seus textos!! quero um autografo depois (ontem foi engraçado).
vou esta sempre por aki dando uma olhada nas novidades!! e elogiando claro! proxima vez q a gnt se esbarrar eu digo qual é o meu texto favorito.
bjos

Camila Falcão disse...

kkkkkkkkkk
mas nada comparado ao seu...
vc posta o q escreve (e mto bem), eu apenas o q leio e gosto...

Estêvão dos Anjos disse...

"Pra ter coragem, ela caminhava e disputava com o sol , astro menor, um minuto de calor."

vOLTEI :P

Bem, como td q a gente interpreta a gente faz baseado no que estamos passando e sentindo eu acho q a interpretação que vou fazer vai ser baseado no que to passando. É impressaõ minha ou tem um certo elguem entrando em tua vida :p?
(depois tu me conta)
É n eu falo isso pq achei que a personagem está em uma fase de encontro com um novo amor" Perto do coração selvagem estava um outro" e está com um certo receio de se entregar talvez por ter sofridos em relacionamentos anteriores. Por isso ela precisa de coragem. Viagei? sim moça vou voltar a aparecer por aqui, eu vi c postando isso la na comunidade do povo da sua sala ( tava vendo as caras dos feras q nunca vi :P)

Vou descendo e lendo os outros posts perai :p

bj polaca

Roberta disse...

menina, que perfeito o seu blog. =*

asdeouro disse...

shii...e o frio quando pinta, é com cores frias, né? =/
mas se você quiser eu empresto a minha aquarela! =D
é, você pode usar as cores que quiser...pode pintar um sol, até!

te amo.
:*

Ben-Hur disse...

desculpe meu analfabetismo semântico!!! kkkkkkk mas entendi q o "Ela" era a tarde ou era 1 garota q era tão iluminada como a terde.
partindo dessa idéia, ñ posso deixar de observar q isso me lembra muito 1 poeminha q eu fiz no ens. médio... GaROTAS q mexem com as cabeças dos cuecas...(ñ sei se essa era a intenção) são os mesu preferidos,me lembra aquele romantismo suicida do séc.XIX. ADORO isso!!! gostei do modo q vc usou as palavras, ñ me sinto a vontade p/ comentar pq isso me lembra critica e vc ñ merece!!!
então vou fazer o trivial: "gostei do texto". isso serve? bjo

darsh. disse...

Eu quero amanhecer.

O nome dessa fotógrada me traz pensamentos.

Um dia lhe conto.

;*

Nightingale Poe disse...

Adorei as metáforas.

Amo metáforas.

Estou entardecendo.

amo amo amo
bisous!

Paula Calixto disse...

"Ela entardecia."

Para que viesse um novo dia.

Me senti a própria personagem. [risos]

Feedback. (;

Beijos.

» NaY « disse...

Após uns 5 minutos, não consigo achar o que comentar... Apenas dizer que admiro os seus textos.

Xerus
=***

Aline disse...

ela entardece, eu anoiteco! rs...

bjm

Ludmila Prado disse...

seus textos são sempre um mistério pra mim, imagino eles daqui a alguns anos, muitos anos, sendo lidos e pessoas tentando descobrir o que essa mulher tentava dizer com eles.

devia um dia juntar tudo isso num livro, chamado 'Histórias de Meus Putos Tristes'.

um beijo

Tchutchu disse...

claro que pode linkar, sem problemas algum! espero q goste do espaço!

bjs

.linny disse...

eu não sei o que esta acontecendo com a gente (eu & vc) mais eu sinto uma ausência muito grande minha no teu blog e sua no meu.

chato isso.

desculpe-me e beijos.

:**

Xuxu disse...

"Preferia assim, se tudo no fim das contas muda de lugar, que fossem distorcidas desde já."

sem comentarios xuxu!

te amo bxdb :*